DesduplicaA�A?o de dados e reduA�A?o de custos em um data center

LB2 > Data Center  > DesduplicaA�A?o de dados e reduA�A?o de custos em um data center

DesduplicaA�A?o de dados e reduA�A?o de custos em um data center

Energia e resfriamento, manutenA�A?o e suporte, espaA�o fA�sico e ciclos contA�nuos de renovaA�A?o de licenciamento e hardware. Essas sA?o apenas algumas variA?veis que compA�em o Custo Total de Propriedade (CTP) de uma infraestrutura de data center.

 

Na ponta do lA?pis, esses e outros itens que entram na conta precisam ser previstos e bem dimensionados entre as empresas que mantA?m e gerenciam o armazenamento de dados gerados pelo negA?cio.

 

Apesar de uma infraestrutura prA?pria de data center representar um custo elevado, existem algumas alternativas que podem ser adotadas para reduzir os impactos financeiros. Entre elas estA?o:

 

  • DesduplicaA�A?o de dados
  • VirtualizaA�A?o

 

JA? detalhamos o que A� virtualizaA�A?o de servidores e os reflexos que tem sobre o desempenho de um data center. Agora, vamos mostrar como a desduplicaA�A?o de dados pode potencializar o espaA�o de armazenamento, aumentar a performance e atA� facilitar um possA�vel processo de recuperaA�A?o de desastre.

 

 

VirtualizaA�A?o

 

 

O que A� duplicaA�A?o de dados?

Vamos supor que vocA? tenha 100 mA?quinas virtuais. Se cada uma delas estiver rodando um sistema operacional prA?prio, sA?o nada menos que 100 sistemas operacionais semelhantes instalados e, possivelmente, armazenados.

 

Assim como essa, hA? outras operaA�A�es de alta redundA?ncia, ou seja, que possuem vA?rios dados coincidentes. Um exemplo A� o backup realizado periodicamente. Boa parte do que estA? sendo armazenado jA? possui correspondente no destino. Resultado: o espaA�o no data center pode estar sendo ocupado por informaA�A�es repetidas.

 

 

Como funciona a desduplicaA�A?o de dados?

Todo segmento de dados que estA? dentro de uma matriz de armazenamento tem uma espA�cie de impressA?o digital, ou seja, uma identificaA�A?o A?nica. Toda vez que novos dados sA?o levados para a matriz, faz-se uma anA?lise dos segmentos para verificar se hA? correspondentes jA? armazenados.

 

Se o segmento for exclusivo, ele recebe sua impressA?o digital e toda a cA?pia do dado A� armazenada. Mas, no caso de jA? haver um outro segmento semelhante (ou seja, que jA? tenha uma impressA?o digital definida), o que estA? entrando na matriz recebe apenas uma pequena referA?ncia que remeta ao jA? existente, impedindo que o que estA? copiado seja duplicado.

 

Portanto, ao invA�s de copiar todo o dado novamente, o sistema de desduplicaA�A?o salva apenas uma referA?ncia que certamente ocuparA? um espaA�o menor que o dado original.

 

Com isso, 1TB de capacidade no disco rA�gido, por exemplo, pode gravar 10TB, 20TB, 30TB de dados pelo simples fato de nA?o duplicar segmentos semelhantes. Essa proporA�A?o pode variar de acordo com uma sA�rie de fatores entre eles: tipo de dado, configuraA�A�es de retenA�A?o, polA�tica de backup, entre outros.

 

As informaA�A�es repetidas (representadas pelos quadrados de mesma cor) sA?o desduplicadas, recebendo uma pequena referA?ncia e liberando espaA�o em disco para outros dados inA�ditos.

 

BenefA�cios

Potencializar o espaA�o em disco A� uma das maiores vantagens da desduplicaA�A?o. AlA�m de reduzir os custos de armazenamento a�� jA? que o mesmo espaA�o pode armazenar dezenas de vezes o volume original a�� o uso eficiente do espaA�o em disco pode aumentar, inclusive, o perA�odo de retenA�A?o. Ou seja, alA�m de reduzir os investimentos em hardware, a vida A?til do disco A� ampliada.

 

A eliminaA�A?o de dados redundantes ainda agiliza o processo de recuperaA�A?o de dados em caso de desastre. Portanto, uma estratA�gia de recuperaA�A?o de desastre deve estar atrelada a uma polA�tica de desduplicaA�A?o de dados.

 

Resumindo, as vantagens da desduplicaA�A?o incluem:

 

  • ReduA�A?o de investimentos em hardware
  • Aumento da vida A?til do disco
  • AmpliaA�A?o da taxa de armazenamento
  • Agilidade na recuperaA�A?o de desastre
  • Maior eficiA?ncia da largura de banda
  • Custo reduzido de energia para resfriamento

 

Para saber mais sobre infraestrutura de armazenamento e data center, continue acompanhando o nosso blog.

LB2
Não há Comentários

Poste um Comentário

Comentário
Name
Email
Website